Notícias

Governo informa que pagamento de inativos será feito no dia 05 de fevereiro

17 jan 18

Governo informa que pagamento de inativos será feito no dia 05 de fevereiro

Representantes dos sindicatos dos Odontologistas (SOERN) e dos Médicos (SINMED RN) estiverem reunidos na tarde desta terça-feira (16) com a Secretária-chefe do Gabinete Civil do Governo do Estado, Tatiana Mendes Cunha, para solicitar esclarecimentos sobre o pacote de ajuste fiscal do governo e pagamento de inativos.

Um dos principais pontos que preocupam os servidores estaduais é o congelamento do Adicional por Tempo de Serviço (ADTS), que reduzirá os salários dos profissionais, além do aumento da contribuição da previdência de 11 para 14%.

Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN, informou a secretária que o congelamento do ADTS vai representar uma perda de 35% do salário na aposentadoria.

“2017 terminou de forma desastrosa, com déficit e folha da previdência maior do que ativos”, justificou a secretária. O secretário de Finanças do Estado, Gustavo Nogueira, que participou da reunião por telefone, corrobora a justificativa de Tatiana e informou que a despesa do estado é crescente e a arrecadação é de -5,25% do que quatro anos atrás (2014). Hoje, segundo ele, o déficit mensal do estado é de 108 milhões.

Os representantes sindicais questionam se os servidores devem ser prejudicados pelo não equilíbrio fiscal e solicitaram que outras medidas de contenção de despesas do Estado sejam estudadas, uma vez que as medidas propostas não vão solucionar o problema fiscal do estado.

INATIVOS

A previsão para o pagamento do mês de dezembro dos servidores aposentados, de acordo com o Gabinete Civil, é para o dia 05 de fevereiro. Já o 13º salário não tem previsão de data ainda.

Diante do grave quadro para os servidores estaduais, o presidente do Sinmed RN reforça o pedido de participação da categoria médica: “O que peço aos médicos é muita união, participação nas assembleias e nas manifestações”.

 

*Informamos que a GREVE dos médicos do Estado permanece por tempo indeterminado.

Fonte: Sinmed RN