Notícias

Candidato a desembargador na justiça do trabalho visita Sindicato dos médicos

11 abr 19

Candidato a desembargador na justiça do trabalho visita Sindicato dos médicos

O advogado trabalhista Edvaldo leite realizou visita ao Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed RN) na última terça-feira, 9/4, para conhecer a instituição e os problemas trabalhistas enfrentados pela categoria médica.

Edvaldo Leite é candidato ao Quinto Constitucional da Justiça do Trabalho do Estado –  que é uma vaga que a advocacia trabalhista tem no tribunal do trabalho, como desembargador – nas eleições que ocorrem no dia 12 de julho.

Leite é Especialista em direito do trabalho e previdenciário e é o advogado trabalhista mais antigo do Rio Grande do Norte. Está em seu currículo também trinta mil processos na advocacia do trabalho, sendo o advogado que tem o maior número de processos na justiça do trabalho no estado.

De acordo com ele o objetivo do quinto constitucional é melhorar a prestação jurisdicional. Fazer com que a prestação judicial vá até a sociedade de uma forma mais célere, adequada e mais justa.

“O candidato deve andar na sociedade, nos sindicatos e nas empresas para entender os objetivos, as vontades, os desejos de cada instituição e levar para o tribunal. Sabendo dos problemas que cada pessoa ou instituição tem”, afirmou.

Para o presidente do Sinmed RN, Geraldo Ferreira, a visita do advogado Edvaldo Leite representa o seu entendimento sobre a importância das instituições que defendem os trabalhadores.

“Edvaldo Leite é uma pessoa com 30 anos de atuação em defesa dos trabalhadores, tem sensibilidade e chegando a uma posição de desembargador vai ter certamente um olhar diferenciado, entendendo a hipossuficiência do trabalhador e a necessidade da justiça de proteger aspectos do trabalho que são essenciais. A dignidade do trabalho precisa ser protegida”, disse Ferreira.

O Sinmed RN se coloca à disposição para receber outros candidatos ao pleito que tenham interesse em conhecer a realidade da categoria médica e o trabalho da instituição.

 

Fonte: Sinmed RN