Diversos

Brasil Pandeiro

02 ago 17

Brasil Pandeiro

Desde criança que escuto uma música de Assis Valente com o titulo acima citado, que começava assim: “Chegou a hora desta gente bronzeada mostrar o seu valor”. Agora, vários anos depois, eu faço uma corruptela desta frase e clamo: “Chegou a hora desta gente da saúde mostrar o seu valor”.

Chega de entrar nos hospitais e ver o abandono dos pacientes em macas, o sofrimento dos sequelados por falta de cirurgias, a falta de insumos básicos como soro, esparadrapo, medicações, sem falar no desespero de familiares frente à impotência de reverter este quadro de abandono da saúde pelos governantes, a desilusão e o cansaço estampado nos olhos dos médicos, enfermeiros e de todos os agentes de saúde, além da revolta contida em vias de explosão nos gestos de todos.

Está na hora, ou já passou dela, de pararmos de sair das nossas casas para brincarmos de Deus nos hospitais e decidir quem deve viver ou morrer por falta de salas de cirurgias ou de leitos de UTI.

São tantas as falhas e carências que enumerá-las seria cansativo e monótono.

Não precisamos de ministro da saúde engenheiro de formação. Nada contra os engenheiros, porque sou pai de um, contudo já pensaram num anestesista sendo presidente do CREA (conselho regional de engenharia e arquitetura) e, tendo nas mãos o seu destino? Seria um desastre anunciado e inevitável. Será que Barros sabe o que é uma vacina Tríplice?

Barros é um deputado travestido de Ministro da Saúde, já investigado por “mal feitos“ e prócere de um governo corrupto e imerso num mar de lamas. Se fosse só isso tudo bem, ou tudo mal.

Em vez de tomar medidas para amenizar o descalabro da saúde, o que faz este engenheiro? Ameaça os médicos, expondo-os a ira da população, dizendo que somos preguiçosos e não trabalhamos.

Chegou a hora desta gente da saúde mostrar o seu valor, conclamo e convoco todos nós, e não só os médicos, para que façamos em Natal, um protesto veemente e digno de nossas classes.

Participem: dia 03 de agosto, às 15h, nos concentraremos no Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte e marcharemos até o Conselho Regional de Medicina (CREMERN).

FORA BARROS!!!

Chagas Filho,

Vice Presidente do Sinmed RN

Fonte: Sinmed RN