Diversos

Médicos de Natal irão intensificar greve

24 jun 08

Os médicos de Natal irão intensificar a greve iniciada na última quinta-feira (19). A decisão foi tomada em assembléia, nesta segunda-feira (23), que terminou por volta das 22h. Os mais de 80 profissionais presentes decidiram por unanimidade não acatar a proposta feita pela Secretaria Municipal de Saúde por não contemplar todos os profissionais.

 

A proposta feita pela SMS, além de ser só em cima de gratificações, deixa de fora ainda os médicos especialistas, dos pronto-atendimentos e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Também os profissionais do Programa de Saúde da Família (PSF) não tiveram as reivindicações atendidas.

 

Na assembléia, os médicos ainda definiram ações para intensificar o movimento. A primeira delas será uma manifestação, nesta quarta-feira (25), às 9h, na Praça Kennedy, em frente ao Ducal, onde fica a sede da SMS. Os médicos se vestirão de preto e irão denunciar à sociedade as más condições de trabalho.

 

A categoria ainda irá pedir uma audiência pública na Câmara dos Vereadores e agendar visitas a Assembléia Legislativa e a Promotoria da Saúde.

 

Ao final da assembléia, o secretário Municipal de Saúde, Edimílson Albuquerque foi informado da decisão e disse que irá tentar um novo encontro com o prefeito Carlos Eduardo para revê a proposta.

 

Probatório 

A assessoria jurídica do Sinmed informa que os médicos em estágio probatório podem participar da greve, sem nenhum prejuízo a sua efetivação.