Notícias

Sinmed averígua condições de segurança nas UBSs

18 mar 20

Sinmed averígua condições de segurança nas UBSs

O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed RN) visitou nesta quarta-feira (18) a Unidades Básica de Saúde de Felipe Camarão II para averiguar as condições de segurança dos médicos e também para a população neste período de pandemia.

O que pôde ser comprovado é que, na maioria das unidades, só estão disponíveis o álcool em gel e a máscara cirúrgica, que não é a adequada, mas está sendo utilizada para substituir as máscaras apropriadas (N95 PFF2 e N95 PFF3) estão em falta.

As aglomerações ainda são presentes em todas as unidades, embora haja um esforço administrativo para marcar as consultas por horários, o hábito do paciente de chegar mais cedo ao local resulta na lotação, o que tem preocupado os médicos e profissionais da saúde, já que todos os pacientes aguardam o atendimento no mesmo ambiente, sendo crianças, adultos e idosos. “É preciso que haja uma conscientização para que a população não superlote essas unidades”, ressaltou Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN.

Como medida preventiva, a UBS Felipe Camarão II está com atendimento estendido e um sistema de triagem, reagendando todos os pacientes que apresentam problemas crônicos e respiratórios para o horário das 17h às 20h. A iniciativa foi tomada para evitar que esses pacientes fiquem expostos em um ambiente aglomerado, já estão classificados no grupo de risco do Coronavírus.

O Sinmed RN está recebendo diariamente solicitações de visitas para comprovar as dificuldades enfrentadas pela falta dos itens de proteção e aglomeração de pacientes e está tomando providências para proteger a saúde dos profissionais e dos pacientes. “A primeira providência do sindicato foi enviar um oficio as Secretarias de Saúde solicitando o afastamento de profissionais idosos ou com doenças crônicas, que estão mais vulneráveis a contaminação do novo vírus. Além disso, estamos cobrando o estabelecimento imediato das medidas protetivas e já estamos elaborando um novo conjunto de normas que também será enviado às Secretaria de Saúde, com o intuito de evitar aglomerações estabelecendo algumas regras de atendimento”, esclareceu Ferreira.

O sindicato está realizando as visitas semanalmente, seguindo as medidas de prevenção necessárias como: uso do álcool em gel, máscaras e com a equipe reduzida.

Fonte: Sinmed RN