Notícias

Médicos do RN realizaram protesto contra atraso salarial

10 nov 17

Médicos do RN realizaram protesto contra atraso salarial

Foto: Amanda Costa

Médicos do Rio Grande do Norte se uniram com outras categorias de servidores da sáude do Estado e foram às ruas nesta sexta-feira (10) para reivindicar os atrasos salariais, exigir melhores condições de trabalho e demonstrar a insatisfação com o descaso do atual governo. 

A concentração teve início às 9h, em frente ao Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel. Logo após o ato em frente ao hospital, o grupo saiu em caminhada por um pequeno trecho da Av. Senador Salgado Filho e, em seguida, partiu até a governadoria, onde estavam concentradas outras categorias de servidores do estado.

O governo vem atrasando o pagamento do funcionalismo público constantemente. No Rio Grande do Norte, os atrasos ultrapassam 30 dias. Além disso, falta estrutura nos hospitais, os leitos de UTI não atendem a demanda de pacientes, além da falta de material de trabalho e medicamentos. O governo prevê ainda o fechamento de 7 hospitais, transformando-os em unidades básicas de saúde, o que compromete ainda mais a qualidade do serviço no Estado.

“É importante que a categoria se inclua neste movimento. Não adianta apenas reclamar nas redes sociais. Precisamos reivindicar. Mostrar a nossa insatisfação na rua. Politico só tem medo de servidor na rua. Se não houver uma reação forte a situação continuará a mesma e nada será resolvido” declarou Chagas Bastos, vice-presidente do Sinmed RN.

Os médicos, insatisfeitos com a situação, decretaram greve em todo o estado a partir da próxima segunda-feira (13). A decisão foi tomada em assembleia realizada no Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed RN), na última terça-feira (7).

Fonte: Sinmed RN